Por que meu filho começou a adoecer depois que entrou na escola

Um aspecto da vida escolar dos pequenos que deixa toda mãe de cabelos em pé é quando a criança começa a frequentar uma escolinha pela primeira vez, e a quantidade de vezes que ela fica doente aumenta de maneira consideravelmente rápida. Neste artigo, vamos explicar porque as crianças adoecem na escola.

 

São vários os relatos das mães que encontram o filho após a escola apresentando sintomas de febre ou vomitando bastante. Parece estranho que exista uma fase tão propícia às doenças quanto essa, mas na realidade, o problema é mais comum do que se imagina.

 

Vamos parar para refletir um pouco: pense em uma criança recém-nascida que vive apenas com seus pais em um apartamento ou casa que não tem cachorro, e que recebe poucas visitas.

 

Obviamente, o sistema imunológico desta criança ficará comprometido no momento em que ela começar a estudar em uma escolinha de educação infantil. Isso acontece porque coloca-se alguém que foi protegido em excesso dentro de um ambiente com várias crianças e adultos com os quais ela será obrigada a conviver pela primeira vez.

 

O sistema responsável por proteger o organismo contra doenças , ou seja, o imunológico, começa a ser estimulado, mas não tem a resistência necessária ainda para lidar com tantas influências externas. Por essa razão, qualquer contato com um vírus ou bactéria pode ser crítico para a criança e sim, deixá-la doente.

 

No entanto, não é preciso se desesperar com relação a essa questão. Trata-se de um processo natural.

 

Sendo assim, é necessário que mães e pais saibam que as soluções mais óbvias para o problema, como encher a criança de sabão e álcool em gel, pode apenas agravar o quadro. Estas são atitudes que deixam a criança cada vez mais indefesa e gerar alergias graves mais para frente.

 

Se você está com esse tipo de problema, o que pode ser feito é chamar a atenção dos diretores e funcionários da escola para uma maior atenção com a higiene do local e das crianças durante o dia. Além disso, é importante proteger os demais alunos não levando seu filho doente para a aula, já que as crianças adoecem na escola porque o sistema imunológico de todas é bastante frágil.

 

Mais do que dar um manual ou uma receita para que as mães e pais tentem evitar o que é inevitável, é importante deixar claro que essas alterações desagradáveis no sistema imunológico da criança fazem parte de um processo natural da vida.

 

Para que elas socializem, será necessário que fiquem vulneráveis a infecções, viroses e resfriados. O mesmo acontece com as outras crianças da turma quando o seu filho vai para a escolinha doente e você mesma não sabe ainda.

 

Assim, não trate o problema como se fosse culpada e nem atribua a culpa de um quadro de doença a ninguém. As crianças adoecem na escola por razões que não dá para evitar.  Tudo o que você pode fazer é manter a vacinação da criança em dia e checar regularmente se ela está se sentindo bem. Caso demonstre algum sintoma estranho, é importante levá-la ao pediatra para que ele indique uma forma de tratamento para o problema.

 

 

voltar para Blog

show tsN fwR fsN center|left fwR tsN|left fwR tsN show|bnull||image-wrap|news c05|fsN normalcase c05 fwB tsY|b01 c05 bsd|login news normalcase c05 tsY fwB|tsN fwR c05 normalcase|normalcase fwR c05|content-inner||